Como eliminar maus odores e mofo em seu hotel

Tempo de leitura: 2 minutos

A qualidade dos hotéis é cada vez mais avaliada pelos hóspedes e fatores como maus odores e mofo costumam colocar os estabelecimentos nas piores posições.

Não é de hoje que o assunto da qualidade da higienização de hotéis oferecido aos hóspedes é pauta importante no cotidiano dos responsáveis pelo assunto. Eliminar maus odores e mofo é prioridade. Cada vez mais governantas e gerentes estão buscando melhorar o nível nesse quesito, muito disso devido ao crescente acesso do público à informação, via internet, deixada por hóspedes anteriores. Eles registram toda a experiência que tiveram em um hotel, tanto boa quanto ruim, em sites especializados como Booking, Trivago, TripAdvisor entre outros.

Existem dois problemas mais comuns quando falamos da higienização do interior do quarto de hotel. O primeiro é a questão dos maus odores impregnados – e o maior exemplo que podemos citar é o cheiro de cigarro. Hoje existem leis que impedem o hóspede de fumar dentro do quarto de hotel, mas na prática sabe-se que isso não acontece. Mesmo não podendo, muitos fumantes não respeitam essa lei e, ao fumar dentro do quarto, todo o ambiente e objetos como cortinas, carpetes e colchões ficam totalmente tomados pelo cheiro de cigarro. Outro exemplo são os micro-organismos, como bactérias e fungos de mofo, que deixam odores incômodos e ainda acarretam alergias e desconforto.

Na tentativa de resolver esses dois maiores problemas, o investimento é pesado. Além de mão de obra especializada, tem uma série de produtos químicos que são utilizados. Porém eliminar odor de cigarro e foco de mofo não é tarefa fácil, até porque os insumos convencionais se mostram apenas paliativos, ou seja, incapazes de cortar o mal pela raiz. Sendo assim, dificilmente o grau de satisfação com o resultado é bom.

Você sabe como acabar de vez com maus odores e mofo do hotel?

O método mais eficiente nesse combate é a utilização de gás ozônio, pois ele elimina completamente todo e qualquer tipo de odor do ambiente, por mais impregnado que ele esteja. Pode parecer difícil de acreditar, mas a ação do gás é tão poderosa que até mesmo em quartos saturados de cheiro de cigarro, ao fazer um tratamento com ozônio, o cheiro ruim some completamente em uma única aplicação. O mesmo acontece com os micro-organismos: logo que o ozônio entra em contato com eles, o gás rompe as paredes celulares causando dano irreversível e eliminando também esse incômodo dos quartos de hotéis. Dessa forma a utilização do ozônio se torna a melhor opção na eliminação dos problemas de odores e mofos em hotéis.

CONHEÇA OS NOSSOS GERADORES DE OZÔNIO – LINHA HOTELARIA

Quer saber mais? Preencha o formulário e envie suas dúvidas. Nossa equipe entrará em contato.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *